Seguidores

28 de jan de 2009

Nova explicação à crise financeira

Há algum tempo circulou na internet um e-mail interessante com explicações de como a crise financeira começou.
No e-mail a bolha imobiliária foi comparada à situação de um bar cujos fregueses pagavam pontualmente suas pingas "penduradas" para o final do mês.
Determinado investidor "compra" a "carteira de crédito" do bar (ou seja, os recebíveis futuros das pingas "penduradas"), cria derivativos a partir dela e passa a comercializar este novo produto financeiro no mercado.
Bancos e demais investidores adquirem estes derivativos e começam a especulá-los na comercialização dos mesmos no mercado
futuro com taxas de retorno muito atrativas.
Entretanto, no momento que os bêbados deixam de pagar os "penduras", toda a estrutura financeira vem abaixo em um grande efeito dominó.
Esta explicação era muito boa para demonstrar como surgiu a crise de crédito.
Mas acho que atualmente a crise financeira está em uma nova etapa: há hoje uma grande crise de confiança,
afinal, os governos do mundo todo despejaram rios de dinheiro no mercado, mas mesmo assim a coisa não vai para frente.
A melhor analogia para esta nova etapa da crise financeira é uma casa de swing:
Em uma casa de swing lotada, todo mundo está comendo e/ou dando para todo mundo.
A música tá rolando alto, whisky, cervejas, vodkas e viagras a vontade.
A situação é bíblica, nem em Sodoma ou Gamorra havia tanta sacanagem como nesta casa de swing do exemplo.
Até que determinada pessoa no meio da sacanagem grita bem alto: "EU TENHO AIDS!!!".
Pronto: ninguém sabe se comeu e/ou deu para esta pessoa (e pior... se comeu e/ou deu foi com ou sem camisinha).
Quem estava comendo e/ou dando irá parar de comer e/ou dar porque não sabe se a pessoa que está comendo e/ou dando naquele
exato momento comeu e/ou deu para a pessoa que gritou que tem AIDS.
Todos avaliam o risco de sua situação e, é certo, não vão mais comer e/ou dar para ninguém mais por um
bom tempo (ao menos até saberem se têm ou não AIDS).
E quem tinha acabado de chegar na casa de swing e ia começar a comer e/ou dar feito coelha não vai mais comer e/ou dar.
É esta crise de confiança que abalou a casa de swing que atualmente abala o mercado financeiro: quem estava investindo
não investe mais; e quem pensava em começar a investir não investirá mais.
A analogia entre a casa de swing e o mercado financeiro é mesmo a mais adequada, afinal, no frigir dos ovos, é tudo a mesma coisa: uma grande putaria.

Autor desconhecido



Nenhum comentário:

o que você procura

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin

Postagens populares

Arquivo do blog